Wednesday, October 10, 2007

High School Musical 2 (2007)

Filmes como “Meninas Malvadas”, do diretor Mark Waters, se esforçam em fazer o retrato do colegial como um ambiente de rivalidade, humilhação e traumático. Quem assiste a obras como essa, pode até se assustar quando entra em contato com o universo do filme original do Disney Channel, “High School Musical”, do roteirista Peter Barsocchini e do diretor Kenny Ortega, no qual o colegial é retratado como um lugar de festa, amor, dança e música.

Se o primeiro filme da série tinha influências de “Grease – Nos Tempos da Brilhantina”, do diretor Randal Kleiser, a continuação bebe na fonte de “Dirty Dancing – Ritmo Quente”, do diretor Emile Ardolino. Os alunos da escola East High – que são interpretados pelo grupo formado por Zac Efron, Vanessa Hudgens, Ashley Tisdale, Lucas Grabeel, Corbin Bleu, Monique Coleman, Chris Warren Jr., Ryne Sanborn, Olesya Rulin, Kaycee Stroh, entre outros – se preparam para as férias de Verão. Preocupados com o futuro (leia-se a faculdade e as altas mensalidades de algumas das universidades mais prestigiadas), grande parte do grupo arruma um emprego no resort Lava Springs – que pertence à família dos irmãos Sharpay (Tisdale) e Ryan (Grabeel) Evans. Envolvidos entre trabalho, diversão e um pouquinho de intriga, todos eles guardam suas energias para o ápice das férias: o show de talentos do resort, no qual hóspedes e funcionários têm que preparar uma apresentação especial.

O diretor Kenny Ortega é um coreógrafo bastante renomado – seus créditos incluem “Dirty Dancing – Ritmo Quente”, “Curtindo a Vida Adoidado”, “A Garota de Rosa Shocking”, “O Primeiro Dia do Resto de Nossas Vidas”, entre outros. Em “High School Musical 2”, a evolução mais notável é justamente nas cenas de danças, que são bem mais complexas e interessantes. No mais, o filme repete tudo o que deu certo na obra anterior: o foco na dupla Troy Bolton (Efron) e Gabriella Montez (Hudgens), que namoram na vida real e formam até um casal bem bonitinho. No entanto, quem brilha em “High School Musical” é Ashley Tisdale, que prova ter talento para poder ser uma boa atriz de comédia no futuro.

O Disney Channel é um verdadeiro celeiro de novos talentos. O canal é responsável pela descoberta de artistas como Keri Russell, Justin Timberlake, Britney Spears, Christina Aguilera, Shia LaBeouf, Ryan Gosling, Lindsay Lohan, Hilary Duff, entre outros. Nos últimos anos, o canal voltou ao mapa ao revelar uma série de jovens talentos como os do elenco de “High School Musical” (os nomes de Zac Efron e Vanessa Hudgens são os mais proeminentes dentre o grupo), a banda Jonas Brothers e a atriz e cantora Miley Cyrus (estrela do seriado “Hannah Montana” e cuja turnê está se encaminhando para ser a mais lucrativa do ano de 2007). Todos adolescentes colocados sob os holofotes e o assédio da imprensa, dos fãs e dos papparazi. Mais do que o sucesso e o reconhecimento, o que estes jovens precisam é de apoio para vencer em uma indústria tão volúvel como a do show business.

Cotação: 5,5

High School Musical 2 (High School Musical 2, EUA, 2007)
Diretor(es):
Kenny Ortega
Roteirista(s): Peter Barsocchini
Elenco: Zac Efron, Vanessa Hudgens, Ashley Tisdale, Lucas Grabeel, Corbin Bleu, Monique Coleman, Chris Warren Jr., Ryne Sanborn, Olesya Rulin, Kaycee Stroh, Mark L. Taylor, Bart Johnson, Robert Curtis Brown, Jessica Tuck

14 comments:

Museu do Cinema said...

Eu nunca tinha ouvido falar nesse filme!

Ramon Scheidemantel said...

Kamila... deve ser difícil falar de um filme caça-níquel, similar ao Rebeldes (série no Brasil transmitida pelo SBT), que apesar de qualquer crítica, é um sucesso estrondoso de vendas entre crianças e pré-adolescentes de todo o mundo.
Mas acho que você fez a única análise possível. Parabéns! hehe!

Apesar de não ter assistido o filme, também acho que ele cria um universo irreal e utópico. Penso que a única ajuda que ele traz às crianças e pré-adolescentes é esperar que o mundo seja uma doce salada de fruta. It´s a shame!

Arthur said...

Com certa vergonha devo admitir que eu assisti, e fiquei contagiado pelo clima do filme =P

E realmente Ashley Tisdale é uma das melhores ali, e deve ter futuro como atriz em comédias...


Bom Feriado =P

Arthur said...

|| eM Cena ||

http://arthurbelotto.blogspot.com

Felipe Nobrega said...

desse eu passo longe, obrigado
abra�o!

Johnny Strangelove said...

eu gostei das fotos da principal bem a vontade ... e o resto ... na moral ... como conseguisse esse feito de assistir isso até o final ?

Otavio Almeida said...

Vixi, Kamila! Nem vi o 1 pra vc ter uma idéia... Bjs!

wally - cine vita said...

Admiro sua coragem Kamila, eu nao consegui ver nem o primeiro filme por completo, nao sei se quero...

Ciao!

Kamila said...

Cassiano, você é um herói, então. Porque eu pensava que todo mundo conhecia esse pequeno fenômeno chamado "High School Musical".

Ramon, é isso mesmo. Esse filme é pura fantasia. Apresenta aquilo que seu público-alvo quer assistir. Por isso, vende feito água e gera dinheiro a torto e a direito aos envolvidos.

Arthur, acho que os melhores momentos do filme são os número de dança. A cena de "Fabulous", a do grupo no campo de beisebol. As que me deram mais agonia foram as cenas do casalzinho.

João, por mais que eu queira criticar o filme, ele diverte. E essa é a função dele.

Otavio, assisti ao primeiro filme numa dessas Sessões da Tarde. E o segundo, peguei logo na estréia no Disney Channel.

Wally, como eu disse ao João, os dois filmes divertem bastante. Mas, não possuem nada de especial. Agradam ao público adolescente, que adora esse tipo de coisa.

Beijos.

Vinícius P. said...

Eu nem gostei muito do primeiro, achei meio bobo, apesar de não ser insuportável como muitos me alertaram. Já para esse segundo não tenho expectativa alguma e nem sei se verei - talvez só por curiosidade mesmo ;-) E geralmente não gosto desses atores da Disney - a Miley Cyrus me dá nos nervos...

Abraço!

Johnny Strangelove said...

tentei ver o primeiro filme ... não consegui passar dos 5 minutos ...
derrota total ... imagine o segundo ...

Arthur said...

AUHSuahsuHAS as cenas do casalzinho realmente são tristes... só filme da Disney msm...

Kamila said...

Vinícius, os dois filmes não têm nada de insuportável mesmo. São boas peças de entretenimento. Dos atores Disney da atualidade, acho a Ashley Tisdale a mais talentosa. A Miley Cyrus me dá nos nervos também. E a menina só tem 14 anos!!!! E foi pré-indicada ao Emmy de melhor atriz de comédia, pode???

João, se você nem consegue ver o primeiro, não conseguirá assistir ao segundo.

Arthur, o casalzinho é até bonitinho, mas aquelas cenas são muito água com açúcar para o meu gosto.

Vick' said...

Nossa...nem sei porque tô comentando isso já que esse post é bem antigo mas vamos lá.

Procurei no Google uma critica a HSM que é meu filme preferido entre outros e posso te parabenizar,sabe porque? Porque tudo o que vira "modinha" o povo "contrariado" começa a esculachar. Ainda bem que você tratou isso profissionalmente.

Sabe,eu ADORO HSM. E não porque foi modinha não,se fosse por isso nem veria mais! Já estamos em 2011 e eu vou usar material escoalr deles ano que vem! Hahahaha... e isso não é fanatismo. O que eu acho admirável no HSM são alguns pontos que você não apresentou ai: São poucos os estereótipos. Você não vê o antagonista se dando mal no final,mas sendo perdoado e até trazido pra perto dos principais. Você não vê muito beijo,pegação... em HSM 1 E 2 teve o total de 1 beijo,pra você ver. O mais legal é que eles conseguem fazer um clima romântico sem precisar de pegação,vai,já merece aplausos só por isso,eu prefiro um Zac Efron pra mim do que um Edward Cullen !!!! Milhões e zilhões de vezes,meu Deus! E,cara! Só porque a experiência do colegial pra alguns foi decepcionante não quer dizer que você deve mostrar pras crianças como a vida é uma droga,sabe? HSM é leve e mostra o poderda amizade,dos sonhos,do amor,todo filme ensina uma lição sobre você,a sociedade e o seu futuro. A química entre Zac e Vanessa é ótima em cena,Ashley se destaca. Ryan dá um show de personagem mudando radicalmente no filme...levamos um susto com a volta da Gabriella...eu acho que as pessoas tendem a ver tudo o que os outros fazem "modinha" por "futilidade". Mas isso é errado. Respeito quem não gosta do ESTILO,mas ninguém pode criticar por preconceito. Um ótimo trabalho de todos eles...e as músicas ficam na cabeça,além da coreografia não ser nada fácil =S HAHAHAHA..BEIJOS!